Para Educadores

gamerama_paraeducadores

A modalidade Workaround foi concebida especialmente para os profissionais de educação. Ao mesmo tempo em que aprende conceitos e metodologia para a criação de jogos, o participante é convidado a conhecer o universo dos games, presente no dia a dia de seus alunos, e a refletir sobre como este universo pode contribuir para uma educação mais eficiente e inovadora.

Inovação na educação:

Professores reconhecem a importância dos jogos na capacitação perceptiva e cognitiva do aluno, mas nem sempre têm habilidades para trazer os ganhos para o espaço de educação formal. A escola inovadora reconhece a função do jogo como instrumento de motivação para que o conhecimento seja construído e não somente memorizado.

Conexão entre o trabalho do professor e a realidade do aluno:

Aproximando o professor do universo interativo do aluno, ganham todos, pois as relações até então verticalizadas pelas instituições passam a ser horizontalizadas pelas trocas simbólicas, de estímulos e de experiências.

Motivação do aluno:

Alunos motivados por jogos são mais atentos ao entendimento do conteúdo e mais produtivos. Profissionais que aprendem a relacionar jogos com atividades de ensino-aprendizagem têm melhores condições de monitorar progressos e promover engajamento de turmas apáticas e desestimuladas.

Aulas mais dinâmicas:

Aulas tradicionais esbarram na percepção de que os conteúdos são desconexos de uma realidade imediata. Jogos promovem o entendimento de causa e efeito de modo mais direto e procedimental.

Processo de aprendizagem mais envolvente:

Jogos podem ser usados como conjuntos de problemas cujas soluções demandam raciocínio e geram consequências quantificáveis. Para isso, contam com estéticas, dinâmicas e mecânicas que já são reconhecidas pelos alunos em outras situações, para eles mais interessantes e instigantes.

 

Modalidade

Como funciona?

Duração

Para quem?

WORKAROUND

Oficina de produção de jogos analógicos voltados para ludificação de métodos e processos educacionais. Os participantes aprendem a criar e desenvolver jogos e atividades ludificadas, colaborativamente, baseados em teoria expositiva e orientados por práticas de integração.

O participante terá contato com a teoria e a prática da criação e do desenvolvimento de um game.

8 horas:

em dois dias ou
em um único dia.

Profissionais de ensino. Em especial, gestores, professores e profissionais de apoio interessados em melhorar a motivação e o engajamento de seus alunos em situações formais de ensino.

A modalidade tem como conteúdo e aplicação de metodologia as seguinte prioridades:

  • Conceituação
  • Contextualização
  • Interação e Iteração
  • Regras por restrições
  • Padrões de demanda
  • Inovação
  • Adequação a conteúdos programáticos formais